Quanto custou nossa viagem para Inglaterra?

 A primeira pergunta que vem à mente quando você vai planejar uma viagem é: quanto essa brincadeira vai me custar? E muita gente morre de vergonha de perguntar quanto alguém gastou na sua viagem, aliás é meio "mito" no Brasil perguntar qualquer coisa sobre dinheiro a outra pessoa, né?


Tower Bridge vista de dentro da Torre de Londres.
Tower Bridge vista de dentro da Torre de Londres.


Eu já fiz um post desse tipo na minha última ida à Europa em 2017 e sei bem como vocês gostam desse tipo de post (vide a quantidade de acessos rs). Então, vem que vou te ajudar a planejar sua próxima viagem para Inglaterra.



Hospedagem

Como somos viajamos com 2 adultos e 2 crianças, tivemos que pegar quartos maiores (quádruplos) nos hotéis das cidades que visitamos e isso costuma encarecer um pouco a viagem, uma vez que nem todos os hotéis tem quartos família a disposição. Todos os quartos que pegamos foi com café da manhã, por comodidade; nos hotéis que ficamos, apenas em Londres tinha local perto onde tomar café (um starbucks e mercados expressos perto). Além disso, pegamos tarifa flexível que permite cancelamento total dias antes da viagem. Sempre fizemos assim e ainda mais com covid, é sempre uma cautela a mais.

1. Premier Inn London County Hall em Londres, perto da Waterloo Station, aos pés da London Eye - 8 noites - £665 (sem estacionamento) - £83,13/noite

2. Doubletree by Hilton Woking - 1 noite - £132 (sem estacionamento)

3. Best Western Weymouth Hotel Rembrandt - 3 noites - £565 (com estacionamento gratuito) - £188,33/noite

4. Premier Inn London Heathrow Airport T2 & T3 - 1 noite - £87 (sem estacionamento)

Os preços dos estacionamentos a diária ficou em torno de £15-£20 e sempre paga nos parquímetros do próprio estacionamento.



Transporte

Nós chegamos a Inglaterra por Londres, em voo emitido por milhas, onde só pagamos as taxas do Heathrow e isso lá em 2019. Dando uma olhadela agora, uma passagem para Londres, para Julho de 2023, via Decolar, tá saindo a partir de R$5.700, com bagagem (23Kg) inclusa. Obviamente a dica que posso te dar aqui é tirar as passagens com milhas, ficando de olho em promoções!


Do aeroporto até Londres usamos o Heathrow Express, e como era só ida, foi £50 para todos nós (comprando ida e volta na mesma hora fica mais barato). Optamos pelo HE por ser mais rápido entre o aeroporto e Londres, mas ele demorou um cadinho a chegar e como fizemos baldeação para pegar o metrô em Paddington (mais £8,25), com 2 malas de 23kg, e 2 crianças, levou o mesmo tempo que se tivéssemos pedido um Uber da vida (que nos deixaria na porta do hotel sem ter que carregar malas, por umas £40). Se você estiver nas mesmas condições avalie pegar um carro por app... Se for contratar o serviço de traslado, pelo que pesquisei, o mais barato sai por volta de £80 o trajeto. Se preferir uma opção mais em conta, pode usar a nova linha de metrô Elisabeth por umas £10,60 (por pessoa), que vai ao lado da linha do Heathrow Express, mas faz paradas pelo caminho, ou mesmo a antiga linha Piccadilly por £3,50 (por pessoa).


Para o dia-a-dia em Londres, compramos o Metrocard Travelcard 7 days Zonas 1 e 2 (£38,40/adulto) para nos atender. Ele cobre metrô, DLR (trem de superfície) e os ônibus. Para ter um metrocard você tem que comprar um Oyster Card por £5 cada (e cada passageiro, com exceção das crianças menores de 12 anos com um adulto pagante precisa ter o seu; e adolescentes tem 50% de desconto, mas para isso você deve comprar no guichê com a ajuda de um atendente para que ele aplique o tal desconto) e então adicionar opção metrocard nos guichês automáticos disponíveis nas estações de trem (algumas aceitam dinheiro, mas a maioria apenas cartão de crédito, e como comentei no post anterior, recomendo que tenha um cartão Wise para baratear seu custo). O custo do metrocard 7 dias é menor do que pagando as passagens separadamente. Mas se você for ficar menos dias, avalie a possibilidade de usar o transporte pagando a medida que você utiliza, já que ele tem um limite máximo diário de cobrar £7,70 e você pode usar qualquer cartão contactless ou mesmo google pay, apple pay ou samsung pay (mas avalie as tarifas que seu catão de crédito vai cobrar por isso). Há quem recomende usar o Wise para essa função também, mas o meu não funcionou...


Para irmos até o Observatório de Greenwich, pegamos o Uber Boat by Thames Clippers que tem desconto para quem tem o Oyster card, e também dá desconto para quem pagar antes. Fui noob nessa e comprei no pier na hora porque achei que o travelcard cobria... pagamos £8,70 por pessoa (quando poderia ter pago £20,30 no tíquete familiar - 2 adultos e até 3 crianças - comprando online o no app da uber, e ainda poder andar o dia todo). O retorno fizemos de DLR usando o Metrocard normal mesmo.


Para a locação do carro para irmos para a Costa Jurássica fiz a reserva via Alamo dos Estados Unidos, com o programa de fidelidade deles (Alamo Insiders), e assim consegui um preço mais em conta do que se fizesse por qualquer site brasileiro. Retiramos o carro perto de Waterloo e devolvemos no Aeroporto, e rodamos 6 dias com o carro, mais de 400 milhas, e o custo de locação foi de £560 para uma SUV automática com km livre e todos os seguros inclusos. Em todos os lugares que paramos o carro tivemos que pagar estacionamento (apenas não pagamos no hotel e no mercado de Weymouth). A gasolina (petrol E5 ou E10) para encher o tanque nos custou umas £50.



Alimentação

Alimentação confesso que não peguei os papeiszinhos todos para fazer as contas (tô com preguicinha, me deixa). Em Londres, a noite a gente acabava comendo no próprio hotel que tinha um Meal Deal, para quem tomava café da manhã no próprio hotel e pagando mais umas £20 por adulto cada criança não pagava a refeição (com direito a sobremesa para elas) e a gente podia pedir ou uma entrada e prato principal ou um prato principal e uma sobremesa. Então assim, os jantares saíam por umas £50 para nós 4 (com bebidas). O lugar mais caro em Londres foi um restaurante em frente ao hotel (mais de £60) e nem foi lá grandes coisas, mas é perto da London Eye, aí já viu né... De almoço a gente na maioria das vezes lanchávamos, então saia por umas £30 para nós 4 (um Mc Donald's da vida saia por £20).



Passeios

A dica que posso deixar é compre os ingressos antecipadamente, ainda mais se fores em Julho, porque é alta temporada, as coisas costumam lotar e ainda tem desconto. A London Eye não dava para comprar e andar no mesmo dia, então compramos no site deles para 3 dias depois. Legoland compramos com 50% de desconto no site deles também. Os museus são gratuitos, mas você pode fazer reserva no site deles para garantir a fila mais rápida. O quanto você vai gastar, vai depender de que atrações você vai querer ir visitar, por exemplo, a gente abriu mão de ir no The Shard (£28 - online adulto) para irmos na London Eye (£32,50 - online adulto), mas fizemos questão de contratar a Guia Brasileira Thais em Londres para nos acompanhar na Torre de Londres e outros pontos da cidade.


Quanto custou nossa viagem para Inglaterra?
Salve esse pin em seu Pinterest

Nenhum comentário

Reserve seu hotel

Booking

Seguros de viagem

Banner 2
Use EAIFERIAS15 para ter 15% de desconto no Seguros Promo

Aluguel de carro