Voando Latam para Londres (LHR - Heathrow)

Para nossa viagem para Londres em julho de 2022, nós voamos LATAM e neste post vou contar como foi nosso voo saindo do Rio de Janeiro (GIG) para Londres (LHR), em classe econômica.


Visão da poltrona 18K do voo LHR-GRU, mostrando o interior do avião com as telas de entreternimento.
Visão da poltrona 18K do voo LHR-GRU, mostrando o interior do avião com as telas de entreternimento.


A história de escolha de destino foi assim meio aleatória. Em 2019, eu tinha uns 200 mil pontos a vencer na LATAM PASS e resolvemos que iríamos viajar para onde os pontos permitissem. Fui olhando Milão, Roma, Lisboa, até que fui olhar Londres e estava mais barato que os demais destinos e obviamente não deixei passar e emiti correndo já que somos 4 e era para o verão europeu. O único senão é que não seria um voo direto e teria que fazer conexão de umas 2h no máximo em São Paulo (Guarulhos).


O bilhete emitido por milhas naquela época dava direito a escolher os assentos do trecho internacional e levar 1 mala de 23kg cada um (coisa rara hoje em dia). 


Mas daí veio a pandemia e com todos os voos cancelados, a LATAM permitiu que eu deixasse os voos em aberto até julho de 2021. Mas chegou julho e estava tudo fechado ainda e eles estenderam até dezembro de 2021. Chegou enfim dezembro e eu estava com zero expectativa de usar a passagem porque para mim era viajar em dezembro e nesta época só estava podendo entrar na Inglaterra se fizesse quarentena em hotel selecionado por eles, por 14 dias. Pensa, ir passar as férias trancada num quarto de hotel e pagando em libras? Quando liguei para então ver o que faria com a passagem, a atendente disse que poderia marcar as passagens para qualquer data até dezembro de 2022. Obviamente optamos em manter as passagens e emitirmos para julho, mas com menos dias na Inglaterra, cortando toda a parte de Bristol que faríamos inicialmente no roteiro em 2020


Uns dois meses perto da viagem, a LATAM fez o favor de cancelar o voo Rio-São Paulo e nos colocou no último voo disponível, mas que aumentava o tempo de conexão de 2h para 5-6h em SP, mas não tinha o que fazer... 


Para o check-in da ida eu estranhei, porque a gente não pagou para escolher os assentos entre Rio e São Paulo e o sistema seleciona aleatoriamente e você não consegue alterar! Achei um absurdo isso agora, porque antes a gente conseguia selecionar na hora que fazia o check-in. Para nossa sorte, como todas as passagens foram emitidas no mesmo momento, todos foram sentados na mesma fileira. Para os voos internacionais eu tinha agendado o corredor e a janela das fileiras 18 e 19, tentando "guardar" o assento do meio, mas não deu certo, os voos estavam lotados e troquei com a pessoa do meio para que ela pudesse sentar no corredor. 


Para evitar o problema do voo da ida (com medo de colocarem cada um numa ponta no trecho nacional) eu decidi comprar os assentos (R$45/pessoa) pelo celular e ao finalizar, o sistema simplesmente evaporou com meus assentos no trecho internacional. Pior que fui fazer isso ao deitar, meia noite, já de pijama. Tentei de tudo quanto foi jeito e já desesperada fui na recepção do hotel de Weymouth pedir para usar o computador e nem no computador estava conseguindo resolver e tive que ligar para a LATAM. Levou 30 minutos para ser atendida, e pedi para o senhor da recepção me ajudar porque eu estava super nervosa com a situação. Depois disso eu conferia a passagem a cada 2 minutos até conseguir pegar no sono novamente.


O único "bom" de toda pandemia que a organização para entrar e sair do voo melhorou, pelo menos no voo de ida, pessoal respeitou os grupos indicativos para cada assento e na hora de sair os comissários vão controlando os grupos. No entanto no retorno, em São Paulo foi uma zona, monte de gente em pé, catando mala de bordo. O caos.


No aeroporto de Heathrow para a volta, chegamos no aeroporto às 14h, mas o check-in só abria às 17h... O aeroporto não tem lugar para sentar e descansar e tivemos que ficar sentados no pedestal do letreiro do terminal 3... Quando deu 16h a fila pro check-in já estava sendo formada, mas não tinha um vendedor para orientar. Tinha umas máquinas de self check-in, eu usei para imprimir as etiquetas, e deu problema no meio, a tela ficou preta, umas porradas e ela terminou de imprimir meus tíquetes e as etiquetas da mala. Eu toda inocente achando que já com as malas etiquetadas a fila para apenas despachar as bagagens seria mais rápida, ledo engano... A fila demorou MUITO, pessoal é muito devagar... Levou 1h40 para despacharmos as bagagens, isso porque a gente estava no início da fila... Então se você for pegar LATAM, sabendo disso, já vai pra fila com antecedência.


Despachando as malas no guichê da LATAM no aeroporto de Heathrow.
Despachando as malas no guichê da LATAM no aeroporto de Heathrow.

Aliás, sobre as malas de bordo, eles pediram para os grupos 4 e 5 (éramos grupo 4, com as poltronas 18 e 19), se apresentarem para despachar gratuitamente as malas de bordo porque não teria espaço para todas dentro da cabine. Como estávamos com remédios e câmera fotográfica, eu não me apresentei e consegui subir com a mala a bordo.


Por orientação, todos deveríamos usar as máscaras para proteção contra covid, mas alguns espertinhos sempre tiram e nunca colocam e não vi nenhum comissário de bordo chamando atenção. 


No trecho nacional foi servido um pequeno pacote de batata chips e no voo internacional as opções era macarrão ou salada com salmão (cru), tanto na ida quanto na volta.


E neste verão, com o retorno das viagens e a demanda reprimida, alguns aeroportos estavam com problemas sérios com as malas, filas, etc por causa de falta de pessoal. Mas nós não tivemos problemas com as nossas malas (eu comprei as smarttags da Samsung para ir rastreando as malas depois faço um review aqui no blog).


Sobre os assentos, é classe econômica, né? Voo nortuno, dão uma cobertinha e fone para usar com o sistema de entreternimento do voo. Os assentos reclinam mais ou menos, mas tinha um espaço bom para as pernas (e olha que tenho 1,80m). 


Espaço para as pernas na classe econômica da LATAM.
Espaço para as pernas na classe econômica da LATAM.


Assim, o voo LATAM não foi ruim e não tivemos problemas operacionais com as malas ou o voo em si, então considero que foi uma experiência boa, apesar do problema dos assentos da volta e a desorganização no aeroporto de Heathrow...


Voando Latam para Londres (LHR - Heathrow)
Salve esse pin em seu pinterest.


Nenhum comentário

Reserve seu hotel

Booking

Seguros de viagem

Banner 2
Use EAIFERIAS15 para ter 15% de desconto no Seguros Promo

Aluguel de carro