Ushuaia (Argentina) - Alugando carro na Alamo

Ushuaia é um destino caro. Tanto falam (falavam?) que Argentina é um destino barato, mas não foi isso que eu encontrei ao fazer as cotações e depois de viajar para lá. Teria sido a mudança de governo? Não sei, e nem vou pra esta seara já que eu não sou cientista política e aqui nem é lugar para isso, mas que isso de certo modo atinge nossas viagens, ah!, com certeza. Então uma forma de economizar que encontramos foi a de alugar carro para fazer os passeios sem guias ou agências, até porque Ushuaia é um destino que dá pra você se virar bem, se assim você o desejar.


Carro alugado no mirante da Ruta 3
Com o carro alugado em um dos mirantes da Ruta 3 - Ushuaia x Tolhuim


Fiz várias cotações e por incrível que lhe pareça o local que conseguimos uma melhor cotação foi a Alamo Norte-Americana, mas primeiramente me inscrevendo no programa Alamo Insiders, que dá ótimos descontos para locações em qualquer lugar no mundo onde eles tenham lojas.


Conforme o roteiro roteiro que a gente tinha planejado, a ideia era usar a partir do dia 4, pegando no centro da cidade, até o dia 6, para irmos para o aeroporto, mas acabou que, como a agência de turismo nos ofereceu o transfer do aeroporto de volta gratuitamente, a gente optou por devolver o carro antes, no fim do dia 5, até porque o hotel que estávamos não tinha tanta vaga de garagem disponível. 


O custo para esses dois dias para locação de um carro compacto manual (ônix ou equivalente), quilometragem ilimitada e o seguro full (sem franquia) foi de USD 195 a serem pagos no balcão. Se colocar na ponta do lápis ficou bem mais em conta do que contratar uma agência para fazer os passeios que fizemos estando motorizados.


A retirada do carro foi feita na agência que fica na Rua Gobernador Paz 137. O check-in foi rápido e os carros ficam estacionados na rua mesmo. O pagamento do valor foi feito no Wise e do caução no cartão de crédito internacional (porque o caução trava o valor - uns USD500 - e com cartão pré-pago ele vai ficar com esse saldo retido, o que não é interessante já que você pagou pra colocar o dinheiro ali!).


Alugando carro na Alamo US para usar na Argentina
O carro foi entregue sujo por fora.
Interior do Etios
Interior do carro que retiramos na Alamo para usar em Ushuaia


Retiramos um Etios basicão, com 10.700km rodados, que foi entregue meio sujinho (tapetes sujos, paralamas cheio de lama), com alguns arranhões, mas nada demais. (Tire foto de tudo, sempre!).


Alugando carro na Alamo USA para usar na Argentina
Estacionada no Parque Nacional Terra do Fogo para irmos no Correio Nacional Argentino.

Apesar de pequeno, o carrinho deu conta de tudo! Fomos até o Glaciar Martial, fizemos todo o Parque Nacional Terra do Fogo, fomos até o Paseo Shopping e aguentou bem o bate e volta até Tolhuim!


Alugando carro na Alamo USA para usar na Argentina
Na praia do Lago Fagnano em Tolhuim.

A gasolina é relativamente barata e não tivemos custos de pedágios e estacionamentos. Andamos 290 km com ele e abastecemos uma vez para ir para Tolhuim e um tanto para devolver o carro.


Estacionamento do mirante na Ruta 3
Estacionada em um dos mirantes da Ruta 3.

Entregamos o carro na mesma agência que retiramos e também foi rápida, até porque tínhamos o seguro completo, então se tivesse algum arranhão novo esse seguro cobriria.


Se você preferir, use a parceira do blog Rent Cars para fazer a sua cotação e escolher a melhor locadora para sua viagem. Mas escolha sempre com todas as proteções e leia os termos para não ter problemas caso você escolha pagamento online ao invés do balcão, ok?


Não tivemos problemas algum com a Alamo na Argentina... Logo conto a novela que foi com a locação de carro em El Calafate. Aguarde rs.

Nenhum comentário

Reserve seu hotel

Booking

Trens e voos pela Europa

Seguros de viagem

Aluguel de carro