Nova Iorque - Estátua da Liberdade (pelo modo muquirana)

Ir para Nova Iorque e voltar sem ver, nem que seja de longe, a Estátua da Liberdade, é a mesma coisa que ir para o Rio de Janeiro e não ver o Cristo Redentor, ou ir para Orlando e não ir para o Magic Kingdom, ou ir para Paris e não ver a Torre Eiffel, etc etc (acho que vocês já entenderam, né?! rs).

Como fevereiro estava frio pacas, e a gente com duas crianças, optamos por não ir na Ilha da Liberade, onde fica a Estátua da Liberdade, inaugurada em 1886 com seus 46m de altura (desconsiderando o pedestal com outros 46,9m). Mas ficar sem vê-la não era uma opção. Assim optamos por vê-la pelo modo "mão de vaca". Quer saber como?

Estátua da Liberdade, vista da balsa de Staten Island. Fevereiro/2015.


Existem duas formas de visitar a moça da tocha norte-americana:

- A mais tradicional: comprando ingresso (ou usando os passes nova iorquinos) pela Statue Cruises ou na hora, pegando o barco no Battery Park e indo para a Ilha da Liberdade e passeando apenas pelo pedestal ou subindo até a coroa (tem que comprar com antecedência pois esgota rápido e pode haver restrição de idade/altura para acesso), você ainda pode ir na Ilha Ellis, onde fica o Museu do Imigrante. Separe umas 2 ou 3h para fazer esta atração. Custo inicial de US$9 (para crianças maiores de 4 anos).

- A pão-dura: pegar o barco gratuito que liga a Ilha de Manhattan até a Ilha Staten (Staten Island) passando a algumas dezenas de metro da Estátua, mas rendendo boas fotos.

Escolhemos então a segunda opção, pois o barco é fechado e assim as meninas não passariam frio.

Nova Iorque 2015
Entrada da Estação da Balsa Gratuita. Fevereiro/2015.
Saímos do Hotel Beacon, onde estávamos hospedados, por volta das 9:30h e pegamos o metrô na Estação da Rua 72. Levamos mais de 30 minutos para chegar até a estátua, pois seguimos a instrução do app Citymapper, e ele nos orientou a usar a linha 2/3 trocando para 4/5 na Estação Fulton St, e descemos na Estação Bowling Green. Poderíamos ter usado apenas a linha 1 (descendo na Estação South Ferry Loop), mas você precisa estar nos primeiros cinco vagões para acessar esta estação e como ela é paradora ela demora um pouco mais que fazendo a baldeação, e não é acessível.

Nova Iorque 2015
Estação do Battery Park cheia de gente. Fevereiro/2015.
Chegamos no Battery Park e ele estava cheio de obras e a gente ficou meio sem direção, mas nada que o Google Maps não resolvesse a questão. Fomos para a Estação da Barca para Staten Island. No caminho fomos abordados por vários cambistas, que foi um pouco chato. Subimos para o segundo andar para esperarmos a barca, que saem a cada 30 minutos.

Perto da hora de sair, a fila ficou enorme, cheia de residente, mas de turistas também.

A porteira se abriu e todos se acomodaram. Procure se sentar de modo a ficar na direita do barco, assim você terá visão da Estátua.

Nova Iorque 2015
Interior da balsa. Fevereiro/2015.
Deixei as meninas com meu marido na parte de dentro da balsa e fiquei do lado de fora quando nos aproximamos da Ilha para poder tirar algumas fotos. Muitos fizeram isso. Depois que passa a Estátua o passeio "perde a graça", já que passa por uma área bem industrial.

Nova Iorque 2015
Nova Jersey. Fevereiro/2015.
Nova Iorque 2015
A Ponte do Brooklyn. Fevereiro/2015.
Nova Iorque 2015
Manhattan, com destaque para o prédio One World Trade Center, ou WTC1. Fevereiro/2015.
Nova Iorque 2015
O Museu do Imigrante. Fevereiro/2015.

Nova Iorque 2015
A Estátua vista da balsa. Fevereiro/2015.

Chegando em Staten Island, tivemos que sair da balsa para entrar em outra embarcação, mas foi tranquilo. Optamos em não almoçar na ilha para podermos fazê-lo em Manhattan, mas não sei se foi boa troca (em alguns posts já explico hahahaha). A volta foi tranquila, mas a Estátua fica mais longe que no trajeto da ida, então tire suas fotos na primeira "viagem". No entanto a aproximação para a Ilha de Manhattan rende boas fotos também.

Nova Iorque 2015
Chegando em Staten Island. Fevereiro/2015.
Detalhe: fizemos tudo de carrinho de bebê. Super acessível, desde que você planeje seu trajeto do metrô.

Cada trajeto dura 25 minutos.
Custo: zero.

Se vocês desejarem ver mais fotos deste passeio, e de Nova Iorque, basta ver o meu álbum Nova Iorque 2015 no Flickr.

2 comentários

  1. Essa dica muquirana pra conhecer a estátua é ótima!! Eu fiz assim também e foi ótimo poder economizar um pouquinho :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qualquer dica de economia, ainda mais em dólar, é válida!! =D

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Reserve seu hotel

Booking
Zarpo

Seguros de viagem

World Nomads Seguros de Viagem
Mondial Seguros
Corretora Real Seguro de Viagens

Aluguel de carro

Trem na Europa