Conte sua viagem - Portugal com crianças II - by Raphaela Tavares

Convidei a Raphaela para escrever seu relato de viagem a Portugal com seu filho, Raul, de 5 anos de idade, e sua família. O relato está dividido em quatro partes, a primeira parte já foi publicada, e hoje vamos conhecer a segunda parte. As demais partes vou colocar no ar nos próximos dias, não deixe de acompanhar.

Viajar com crianças é possível!! 'Bora conferir a dica dela? 

"Como em Portugal tudo é relativamente perto, tinha dias que fazíamos três cidades interessantes, com monumentos que não podíamos deixar de ver em uma visita ao país. Achamos a alimentação relativamente barata, até mesmo comparada à cidade onde moro, pagando em reais! Um bom prato, bem servido, com entrada e bebida, saia por volta de 15 euros.

Óbidos, Portugal. Agosto/2014. Foto: Raphaela Tavares.
Como na época não comia nada de carne, fiquei só no pão das entradas da galera que foi comigo, então minha alimentação foi quase de graça rs. Um prato servia duas pessoas: minha mãe sempre dividia com a minha sogra e meu marido com meu filho.  Um detalhe: esse prato era para uma pessoa! Os portugueses comem muito bem e são bem generosos nos pratos. Bacalhau foi o prato de quase todos os dias, de todas as formas, assado, frito, grelhado, pois em quase todas as regiões há um prato típico do lugar com o peixe.

Um erro meu nessa viagem foi não ter levado o carrinho do Raul, pois não sabia se caberia no carro que nos foi emprestado e porque meu marido me convenceu que isso seria um estorvo na viagem. Com uma criança de 4 anos, a prioridade é o conforto dela e respeitar seus limites, de sono, fome e cansaço. Minha carta na manga foi um canguru que suporta até 20 kg que eu levei na mala.  Isso me salvou, pois é algo que o Raul está super acostumado a usar aqui. Eu uso sling desde que ele era bebê, ele até pede quando começa a ver que a bateria está descarregando (até mesmo por dengo, ele ama ficar pendurado). Para Fátima, Nazaré e Lisboa, só andei com ele juntinho à mim, cansa um pouco, pois é um peso extra e alguns lugares tem ladeiras, mas compensa a paz.

Alcobaça, Portugal. Agosto/2014.
Foto: Raphaela Tavares.





Em Alcobaça acordamos cedo, muito cedo, numa hora que nem o comércio estava aberto, mas fomos mesmo só para ver a Real Abadia de Santa Maria (ou também conhecida como Mosteiro de Alcobaça), onde estavam enterrados alguns membros da monarquia portuguesa. Foi um passeio rápido, queríamos visitar apenas esse monumento e logo partimos para Óbidos.





Óbidos, Portugal. Agosto/2014.
Foto: Raphaela Tavares.





 
Óbidos é um local que tem que ser visitado quando se pensa em Portugal, o local te remete à aula de história, na época dos feudos, pois é uma vila medieval, muito bem conservada e cercada por muralhas construídas no século XII. A parte da manhã ficou dedicada à esse lugar mágico. 



 




Resolvemos ir para Mafra para ver o mosteiro retratado por Saramago em seu livro.  Esse mosteiro é simplesmente enorme, foi construído no século XVIII e tem 40 mil m² e 800 salas e quartos, dessa vez não entramos para visitar, apenas tivemos uma visão externa e nos atemos aos detalhes da construção.
Convento Mafra, Portugal. Agosto/2014. Foto: Raphaela Tavares.

O último passeio do dia foi em Sintra, pegamos um ônibus turístico para conhecer a serra, esse ônibus fazia paradas em alguns pontos, no qual poderia descer e aproveitar o local e pegar o próximo ônibus. A arquitetura é linda! com influência árabe e o Palácio do Pena é a antiga residência de verão da monarquia portuguesa."

O mapa com os lugares visitados pela Raphaela, você pode conferir logo abaixo:


Nenhum comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Reserve seu hotel

Booking
Zarpo

Seguros de viagem

World Nomads Seguros de Viagem
Mondial Seguros
Corretora Real Seguro de Viagens

Passeios no seu destino

Viator

Aluguel de carro

Trem na Europa