Estrada Real - Caminho Sabarabuçu

O Caminho do Sabarabuçu é o menor caminho da Estrada Real e o "menos famoso" entre os turistas, e liga Cocais a Glaura (distrito de Ouro Preto) passando por várias Serras de Minas Gerais, margeando o Rio das Velhas, e alguns a consideram como uma "extensão" do Caminho Velho

Passaporte, Estrada Real, Sabará, Milho Verde, Rio Acima
Carimbos do Caminho de Sabarabuçu, Estrada Real. Agosto/2016.

Nós conhecemos algumas cidades que fazem parte do Caminho do Sabarabuçu e no post de hoje foi contar um pouco mais sobre este Roteiro Turístico. Quer saber mais? Vem com a gente.

No Século XVIII, viajantes observaram um brilho diferente na Serra de Sabarabuçu, hoje conhecida como Serra da Piedade, e pensaram que era ouro, mal sabiam que era na verdade reflexo do Sol no minério de ferro. Mas até eles descobrirem isso, criaram uma rota alternativa ao Caminho Velho para tentar explorar essa região.

São 160km de extensão, sendo 36km de trilha e o restante em estrada de terra. Os trechos em trilha são possíveis de serem feitos apenas a pé, bicicleta, moto ou cavalo, mas mesmo assim, alguns trechos das trilhas somente a pé.

Mapa, Caminho sabarabuçu
Mapa do Caminho de Sabarabuçu. Fonte. Instituto Estrada Real.



As cidades do Caminho do Sabarabuçu

Cocais

Cocais é um distrito de Barão de Cocais, uma vila bucólica com vários casarios coloniais. Ali você poderá conhecer o Sítio Arqueológico da Pedra Pintada, a Cachoeira Pedra Pintada, a Igreja Matriz de Nossa Senhora do Rosário e a Igreja de Sant'Anna.

Vila de Cocais, Caminho do Sabarabuçu, Minas Gerais
Vila de Cocais, vista da Estrada Real, perto ao Sítio Arqueológico de Pedra Pintada. Agosto/2016.

Nesta cidade também é possível pegar o passaporte da Estrada Real e sai carimbando para conseguir seu certificado de conclusão. Para carimbar seu passaporte, vá num dos posts abaixo:

  1. Pousada e Restaurante Vila dos Cocais, na Rua Aristides Augusto da Fonseca, n. 270 (onde pega o passaporte também, para isso leve 1kg de alimento não perecível e 1 muda de roupa). Nós almoçamos aqui e a comida é muito boa.
  2. Sítio Arqueológico da Pedra Pintada, na Rua Principal, 20.
  3. Pousada das Cores, na Rua José de Almeida, n 380.

Para saber mais sobre Cocais, leia o nosso post: Estrada Real - Caminho dos Diamantes - Santa Bárbara a Cocais.

Se você está procurando hospedagem para sua viagem não deixe de conferir a seleção que o Booking traz pra você.


Caeté

Localizada na Serra da Piedade, Caeté foi fundada em 1714. Seu nome vem do tupi ka'a (mato) e eté (verdadeiro), e antes era conhecida como Vila Nova da Rainha. O turista que vai para Caeté pode conhecer o Santuário Nossa Senhora da Piedade, a Serra da Piedade, com suas cachoeiras (como Cachoeira de Santo Antônio), a Serra do Gandarela, o Observatório Astronômico Frei Rosário, as Ruínas da Igreja de São Gonçalo, o Morro do Serrote, a Ponte do Funil, Solar do Tinoco, a Igreja Matriz Nossa Senhora do Bom Sucesso, Igreja do Rosário, o Museu Farmárcia Ideal, o Museu Regional de Caeté, o Museu da Cachaça, o Museu Casa João Pinheiro e Israel Pinheiro e Pelourinho.

Quem gosta de um bom lugar para se hospedar, ouvi falar muito bem do Tauá Hotel & Convention Caeté, mas que ainda não tive o prazer de me hospedar. Era a nossa opção para ficarmos, mas o tempo que tínhamos nas férias nos forçou a excluir a cidade do roteiro =(. Se você conhece, escreve aí nos comentários o que achou. =D

Se você estiver coletando os carimbos, procure os seguintes pontos:

  1. Restaurante Delícias do Fogão, na Av. Doutor João Pinheiro, 3267
  2. Pousada Vovó Duda, na Estrada Morro Vermelho, s/n
  3. Centro de Atendimento ao Turista, na Praça Dr João Pinheiro, 106
  4. Santuário Nossa Senhora da Piedade, no Alto Serra da Piedade

Você vai passar também por Morro Vermelho, um dos distritos de Caeté, cujas atrações são a Igreja de Nossa Senhora de Nazareth, a Cachoeira de Santo Antônio e a Pedra do Sino.


Sabará

É a cidade histórica mais perto de Belo Horizonte, e foi fundada em 1707, quando era conhecida como Vila Real de Nossa Senhora da Conceição do Sabará. São várias igrejas históricas e casarios coloniais para se conhecer, além de dois parques naturais. Para saber mais, leia o post Estrada Real - Caminho Sabarabuçu - Sabará.

Sabará, MG
Nossa TR4 Deadpool em frente a Igreja Nossa Senhora do Carmo, em Sabará (MG). Agosto/2016.

Aquele que coleciona carimbos deve se ir para os seguintes pontos:

  1. Hotel Solar Corte Real, na Rua São Francisco, n. 345
  2. Centro de Atendimento ao Turista, na Avenida Expedicionário Romeu Jerônimo Dantas
  3. Museu do Ouro, na Rua da Intendência, s/n


Raposos

Raposos é um pequeno município fundado em 1690, com várias nascentes e trilhas, um prato cheio para os aventureiros. Além disso é possível conhecer a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição e a Capela de Nossa Senhora do Rosário.

Não há ponto de carimbo nesta cidade.


Honório Bicalho

Honório Bicalho é um distrito de Nova Lima, que ganhou esse nome por ter ali uma antiga estação de trem da Estrada de Ferro Central do Brasil. Honório margeia o Parque Nacional da Serra do Gandarela, e pode ser um belo atrativo para aqueles que buscam se aventurar em trilhas e buscar cachoeiras.

Também não há ponto de carimbo aqui.

Se você estiver planejando alugar carro para suas férias, não se esqueça de cotar com a RentCars, nossa parceira de viagem.


Rio Acima

Rio Acima é uma pequena cidade fundada em 1948. Recentemente, a cidade restaurou o Trem das Cachoeiras, que é um passeio de Maria Fumaça até Honório Bicalho e que promete fazer sucesso entre os visitantes. Além disso, é possível conhecer a Casa de Pedra e várias cachoeiras da região. Para saber um pouco mais sobre a cidade, leia o post  Estrada Real - De Sabará a Rio Acima.

Estação de trem de Rio Acima, MG. Agosto/2016.
Quem estiver em busca de carimbo, vá para um dos seguintes pontos:

  1. Pousada Circuito Real, na Rua 28 de dezembro, n. 232
  2. Secretaria Municipal de Turismo e Cultura, na Av. Gov. Israel Pinheiro, n.34 (a estação de trem)
  3. Restaurante Canto da Saracura, na Rua Joaquim Alexandre.

Ponte entre Acuruí e Rio Acima
Ponte entre Rio Acima e Acuruí. Fonte da Imagem: Itabirito Minha Terra


Acuruí

Acuruí é distrito de Itabirito e seu nome vem do tupi Rio de pedras. O povoamento ocorreu ao mesmo tempo que ocorreram as primeiras explorações de ouro na região, que era a principal fonte econômica de Acuruí no Século XIX. No entanto, com o desabamento da Mina de Cata Branca houve declínio da economia e a vila perdeu sua importância. Fica próxima da Serra do Espinhaço (Capanema) e possui cachoeiras que atraem muitos turistas.

Não há pontos de carimbo neste local.


Glaura

Antes conhecida como "Freguesia Santo Antônio da Casa Branca do Ouro Preto", ou apenas "Casa Branca", Glaura é um distrito de Ouro Preto, e foi um dos principais pontos de passagem dos bandeirantes, e foi ali que aconteceu alguns confrontos da Guerra dos Emboabas. Glaura um ponto estratégico entre Vila Rica (Ouro Preto) e São João del-Rei.

Algumas festas mais conhecidas são a Festa de Santo Antônio (julho) e a Festa do Rosário (outubro). Dizem que os doces de leite e a goiabada cascão são maravilhosos.

Para o ponto de carimbo, você deverá ir até o Centro Histórico de Ouro Preto:

  1. Centro Cultural Sesi, na Praça Tiradentes, n.04 (onde poderá pegar o certificado ou passaporte)
  2. Hotel Solar de Maria, na Rua Tomé Afonso, n.111
  3. Secretaria de Turismo, na Rua Claudia Manoel, n. 61

Para conhecer um pouco mais sobre Ouro Preto, sugiro leitura dos posts que fizemos sobre a cidade.

Ouro Preto, MG
Praça Tiradentes de Ouro Preto. Agosto/2016.


Nossa Experiência no Caminho Sabarabuçu

Como não tínhamos tempo suficiente para explorar o Caminho do Sabarabuçu por completo e por ele ter muitos trechos onde nossa TR4 não passaria, já que tem trilhas entre vários trechos, optamos em conhecer apenas as cidades que fazem parte, sem irmos para Caeté que ficou para uma próxima oportunidade, e Glaura, que foi um dos distritos de Ouro Preto que não visitamos. No entanto fizemos um caminho paralelo ao Sabarabuçu, mesclando asfalto e estrada de terra, com muito movimento dos caminhões das minerações da região. Assim nós fomos de Sabará até Rio Acima, como já contei no post Estrada Real - De Sabará a Rio Acima.

De Rio Acima até Glaura são pouco mais de 43km, mesclando asfalto, estrada de terra e calçamento, e parece-me ser um dos mais belos por causa da descrição do Instituto Estrada Real.

Se você pretende fazer o Caminho todo, sugiro usar as trilhas que estão disponíveis no wikilocCocais - CaetéCaeté - Morro Vermelho - SabaráSabará - RapososRaposos - Honório BicalhoHonório Bicalho - Rio Acima, Rio Acima - Acuruí ( mas que vai até Glaura).

Nós colecionamos os carimbos de Cocais, Sabará, Rio Acima e Ouro Preto, o que já nos daria direito para pegar o Certificado de Conclusão do Caminho do Sabarabuçu. Mas como não fomos a nenhuma das cidades que emitem o certificado ainda, não o pegamos.

Caminho Sabarabuçu, Estrada Real,
Estrada Real - Caminho Sabarabuçu. Em laranja o Caminho Sabarabuçu completo, e em Azul o desvio que fizemos para irmos até Rio Acima.


Dicas

  • Leve água suficiente para a sua caminhada
  • Planeje os locais de pernoite, pois alguns lugares não possuem estrutura
  • Use roupas adequadas e calçados confortáveis se for fazer a trilha a pé ou de bicicleta
  • Fazendo de 4x4, atenção para os vários desvios que terá que fazer. Siga as planilhas do Instituto Estrada Real ao pé da letra.
  • Se for fazer o caminho no seu próprio esforço, ir de Glaura a Cocais é menos puxado do que ao contrário.
  • Pegue seu passaporte em Ouro Preto ou Cocais e colecione os carimbos. Fica uma lembrança e tanto para a sua viagem.



Leia mais: Rio Acima - Pelo Caminho do Sabarabuçu, Expedição pelo Velha 2009 - Acuruí

Nenhum comentário

Reserve seu hotel

Booking
Zarpo
Zarpo

Seguros de viagem

Aluguel de carro

Ingressos para as principais atrações de Orlando

Passeios no seu destino

Viator

Trem na Europa