Ceará - Crato

Mês passado fui para Crato, município vizinho a Juazeiro do Norte, para fazer um curso do meu trabalho, já que a cidade fica no sopé da Chapada do Araripe, região fica em fósseis e geossítios importantes. Provavelmente você mal ouviu falar dessa cidade, e é por isso que venho aqui, divulgar um pouco desse destino de viagem, ainda mais para aqueles que moram tão perto e não sabem a riqueza geohistórica que o lugar lhes reserva.

Crato, Ceará
A Chapada do Araripe, em Crato, vista do hotel. Junho/2017.

A região era lar de várias etnias indígenas, com destaque para os Kariri (por isso você vai ver referência aos Cariris por todo o lugar), Aquijiró, Guariú e outras tantas. Acredita-se que apenas no Século XVII houve a primeira bandeira para o interior do Ceará, e uma delas recebeu o nome de "Missão do Miranda".

O povoado de Miranda elevou-se à vila em 1762, quando foi denominada de "Vila Real do Crato", sendo um dos mais importantes núcleos do interior do Nordeste naquela época. Apenas em 1853 foi elevada à categoria de cidade. É curioso ainda saber que na Revolução Pernambucana de 1817, José Martiniano de Alencar (subdiácono e estudante do Seminário de Olinda, pai de José de Alencar) proclamou independência do Brasil e Crato foi considerada país por um dia. Mas durou pouco, pois um proprietário rural pôs fim a ideia.

Crato foi um dos lugares onde foi construído um dos Campos de Concentração no Ceará (também chamado de "Currais do governo") como reação dos governos por causa da seca de 1932 no estado, para conter as invasões e saques dos flagelados em Fortaleza, como ocorreu em 1877. Nesses alojamentos os sertanejos recebiam cuidados e comida, e podiam trabalhar em frentes de obras, mas as condições não era nada salubres.

Hoje, Crato possui mais de 129 mil habitantes e, ao lado de Juazeiro do Norte, é uma cidade com importância regional, principalmente ligada a produtos rurais, já que possui temperaturas relativamente mais baixas que outras áreas do Nordeste, o que propicia atividades agropecuárias.

Se você está procurando hospedagem para sua viagem não deixe de conferir a seleção que o Booking traz pra você.


O turismo no Crato

Em Crato, "Oásis do Sertão", o turista poderá conhecer:

  1. Cascata do Sítio Rosto, queda d'água com 12 m de altura do Rio Batateira, com maior cheia entre os meses de Fevereiro e Junho
  2. Crato, Ceará
    Cascata do Sítio Rosto. Fonte da Imagem:  Férias no Ceará

  3. Exposição do Crato (Expocrato), que acontece durante uma semana do mês de Julho, sendo uma exposição de gado e materiais agropecuários, com festas e shows.
  4. Toca do Pajé (Sítio Bucaina), onde é possível tomar banhos em piscinas de água corrente.
  5. Centro de Pesquisa Paleontológica da Chapada do Araripe (Museu do Crato), com acervo quase 4000 peças (mas apenas 5% ficam em exposição) de fósseis da região, instalado no antigo prédio da Câmara do Senado. Praça da Sé, 105.
  6. Igreja da Sé, a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha fica na Praça da Sé, o centro comercial da cidade.
  7. Teatro Raquel de Queiroz, construído em 1938.
  8. Estação Ferroviária, de 1926, onde funciona o Centro Cultural da cidade.
  9. Crato, Ceará
    Antiga Estação da RFFSA, em Crato. Fonte da imagem: Wikimedia

  10. Floresta Nacional do Araripe-Apodi, que preserva mata nativa da região, e abriga um vasto Sítio Geológico com espécies encontradas somente neste local.
  11. Geopark Araripe, criado em 2006, é primeiro geoparque das Américas com reconhecimento da UNESCO, com quase 3.800 km²m com patrimônio biológico, geológico e paleontológico. É de suma importância, pois a região é a principal jazida de fósseis do Brasil, com maior concentração de pterossauros do mundo. As várias espécies do Geoparque aparecem no livro Realidade Oculta, de Tito Aureliano (paleontólogo brasileiro). Os geossítios que foram o geoparque são:
    1. Batateira
    2. Cachoeira de Missão Velha
    3. Colina do Horto
    4. Floresta Petrificada do Cariri
    5. Parque dos Pterossauros
    6. Pedra do Cariri
    7. Pontal de Santa Cruz
    8. Ponte de Pedra
    9. Riacho do Meio
  12. Chapada do Araripe, com mais de 340 fontes de águas naturais e várias trilhas a serem percorridas.

Se você estiver planejando alugar carro para suas férias, não se esqueça de cotar com a RentCars, nossa parceira de viagem.



Leia mais: Roteiro Ceará, Atolado na Net, Histórias e Cenários Nordestinos, Viaje na Chapada.

Nenhum comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Reserve seu hotel

Booking
Zarpo

Seguros de viagem

World Nomads Seguros de Viagem
Mondial Seguros
Corretora Real Seguro de Viagens

Passeios no seu destino

Viator

Aluguel de carro

Trem na Europa