Parque Nacional de Itatiaia (RJ)

Criado em 1937, o Parque Nacional de Itatiaia é o parque nacional mais antigo do País, com uma área de 11.934 hectares. A área pertencia ao Irineu Evangelista de Sousa, o Visconde de Mauá (o mesmo que abriu a estrada de ferro Mauá aqui no Rio). Itatiaia vem do Tupi Guarani Itá-ti-aia (pedra úmida), mas há quem diga que também signifique (pedra pontuda). O Parque abrange os muinicípios de Itatiaia e Resende (RJ) e Bocaína de Minas e Itamonte (MG).
Parque Nacional do Itatiaia (RJ). Mirante do Último Adeus. Julho/2015.
Para visitar o parque, a partir do Rio, basta pegar a Rodovia Presidente Dutra (BR-116) em direção à São Paulo, chegando à Itatiaia e seguir as placas. A viagem dura em média 2:30h e você deve passar por um pedágio na estrada.
No interior você poderá encontrar alguns dos picos mais altos de nosso país, como o Pico das Agulhas Negras com 2.791m (e pensar que você saiu de 0m hein?!). Dentro do parque existe uma rodovia, a BR-485, sem asfalto, por onde os turistas chegam a determinados pontos para então poderem fazer sua caminhada ou mergulho na cachoeira.
Mirante do Último Adeus. Julho/2015.
Hoje o parque é administrado pelo ICMBio - Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade.
O Parque Nacional de Itatiaia. Fonte: ICMBio.
O Parque é dividido em duas partes: a baixa e a alta (que você deverá seguir a Presidente Dutra e subir em direção à Itamonte, na divisa de RJ com MG, em Garganta do Registro, você entrará à sua direita). Eu já fui duas vezes ao Parque (uma na lua de mel em 2007 e outra nesta viagem), mas infelizmente nunca fui à Parte Alta e morro de vontade de ir até lá!!
Escadas para a Cachoeira e Piscina do Maromba. Julho/2015.
Há atrações tanto na parte baixa quanto na parte alta.


Véu de Noiva, no Parque. Maio/2007.
Parte Baixa
- Lago Azul: fica perto do Centro de Visitantes, com trilha de fácil caminhada, mas que tem uma escadaria grande (mais de 100 degraus!) (há uma trilha maior para evitar a escadaria), contudo a recompensa logo vem com o Lago. Existem quiosques que devem ser alugados na entrada do parque.
- Centro de Visitantes: com exposições, e centro de educação. Existe uma maquete do parque.
- Complexo Maromba: compreende a Piscina Natural do Maromba (acesso se dá por uma escadaria após a ponte. É funda em algumas partes, então banhe-se com cuidado), a Cachoeira Itaporani (para chegar nela é preciso andar 7km a partir da ponte, por trilha) e a Cachoeira Véu de Noiva (pouco mais perto que a Itaporani, acessível por trilha).
- Três Picos: acessível por meio de trilha que requer maior experiência, com 6km de extensão por dentro da mata. É necessário assinar Terno de Responsabilidade junto ao parque.
- Pedra da Fundação: Marco de fundação do Parque.
- Mirante do Último Adeus: na estrada a caminho das cachoeiras, existe este mirante, que voce sobe alguns degraus e pode contemplar uma pequena Represa de Resende, ter uma visão panorâmica do Parque e ver um trecho do Rio Campo Belo.



Parte Alta  
(deve-se preencher Termo de Responsabilidade, disponível no site oficial).
Cachoeira do Maromba. Julho/2015.
- Pico das Agulhas Negras: com 2.791,55m de altitude é o quinto ponto mais alto do Brasil. Pode-se ir até a base (a 1300m de altitude numa caminhada moderada, mas sem muitos desníveis de terreno, de 45 minutos a partir do Abrigo Rebouças) ou seguir até o cume (com mais de 20 vias de acesso com diferentes graus de dificuldade, com média de 2h de subida pesada, exigindo experiência pois será necessário uso de cordas algumas vezes).
- Maciço das Prateleiras: são blocos, cujo cume está a 2.539m de altitude, e tem-se vista panorâmica de toda a região.
- Vale do Aiuruóca: compreende a Cachoeira do Aiuruóca (acessível com caminhada moderada a partir do abrigo Rebouças), a formação rochosa Ovos da Galinha, Asa do Hermes e Pedra do Altar.
- Pedra do Altar: fica a 2.665m de altitude e é acessível por caminhada em trilha.
- Abrigo Rebouças: construído na década de 50, passou a ser o abrigo mais alto do Brasil, uma vez que está a 2.350m de altitude. Pode-se hospedar lá, pagando uma taxa de R$10 (pessoa/dia)*.
- Camping: fica ao lado do Abrigo Rebouças, com 15 vagas para barracas de até 3 pessoas, mas são reservadas apenas 10, as outras 5 ficam disponíveis para visitantes sem reserva no Posto Marcão. Taxa de hospedagem é de R$ (pessoa/dia)*.

Pode-se fazer travessias entre as partes baixa e alta, mas informe-se no site oficial para obter detalhes e como fazer.
Represa de Furnas, vista (com zoom) do Mirante do Último Adeus. Maio/2007.

No parque você pode tomar banho de cachoeira, observar os animais, caminhadas, andar de bicicleta, escalar, fazer trilhas, piquenique nas áreas autorizadas.
Escadaria para as Cachoeiras Véu de Noiva e Itaporati. Julho/2015.

#Ingressos*:
- R$ 27,00 para o público em geral
- R$ 14,00 para brasileiros
- R$ 3,00 para moradores de Itatiaia, Resende, Bocaína de Minas e Itamonte.
- Gratuito para menores de 12 anos e maiores de 60 anos
Existem "combos" para quem vai acampar no parque ou visitar mais dias. Informe-se no site.

#Dicas:
- Por ser uma área protegida, dirija com muito cuidado! Os animais atravessam a rodovia e a prioridade é dele!
- Se gerar lixo, leve-o consigo! Respeite o local visitado e permita que outro viajante tenha o mesmo vislumbramento que você!
- Se for se banhar nas cachoeiras, tenha cuidado com as trombas d'água, principalmente em épocas de chuva, elas são muito perigosas e podem acontecer na região.
Placas de advertência. Respeite as normas do Parque! Julho/2015
- Não é permitido a entrada de pets.
- Não alimente os animais.
Macaco pedindo comida para os carros na BR. Julho/2015.
- Por não ter lanchonetes e restaurantes, leve seu alimento e sua água.
- Não faça fogueiras.
- Não faça barulho, pois os demais podem estar observando os animais e você pode atrapalhar.
- Existe a opção de hospedar-se no parque ou no seu entorno, em pousadas ou hoteis. A listagem pode ser obtida aqui.
Esquilo no Parque de Itatiaia. Maio/2007.
Nesta última visita, nós preferimos não ir até a Cachoeira Véu de Noiva com as meninas e visitamos apenas a Piscina do Maromba, mas ainda sem coragem de entrar porque o dia estava frio e a água é bem gelada. Visitamos também o Mirante do Último Adeus, mas a Laura é uma espoleta e ali é perigoso para crianças, então nem pudemos ficar muito tempo.
Piscina do Maromba. Julho/2015.
Construção com banheiros próxima às escadas para a Piscina do Maromba. Julho/2015.
Grandiosidade do Parque Nacional de Itatiaia, visto do Mirante do Último Adeus. Julho/2015.


* Preço de Outubro/2015, com pagamento apenas no dinheiro (não aceitam cartões ou cheques). Consulte o site oficial para confirmar disponibilidade e valores.

Site Oficial: http://www.icmbio.gov.br/

2 comentários

  1. Olá! Sou lá do grupo "Viagens em família", do facebook.
    O parque nacional de Itatiaia realmente é muito bonito. Engraçado que tb estive la mais de uma vez, mas sempre na parte baixa, nunca na parte alta, mas assim como vc, tb tenho muita vontade de conhecer a outra parte. rs

    ResponderExcluir
  2. Cristiane a maioria das pessoas que conheço não foram na parte alta. Já vi que vou ter que voltar mais uma vez para desencantar. Rs

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Reserve seu hotel

Booking
Zarpo

Seguros de viagem

World Nomads Seguros de Viagem
Mondial Seguros
Corretora Real Seguro de Viagens

Aluguel de carro

Trem na Europa