Chip de viagem na Argentina

Na minha viagem para Argentina a trabalho não levei chip de viagem da EasySim 4U ou do Chip de Viagem, até porque estava com celular da empresa (Vivo) e achei que estaria tudo ok. Ledo engano...

Casa Rosada, Argentina. Foto: Canva

Ao chegar em Buenos Aires o celular da empresa até que funcionou bem, mas a cobertura não era lá essas coisas. Até porque não seria prudente fazer Stories e usar os dados do plano empresarial, não é mesmo? Fora que o sinal não era lá essas coisas não... Travava bastante... Assim decidi comprar um chip local, até para testar e ver como é essa experiência na Argentina.

Na nossa conexão, não tive tempo de comprar o chip, pois só tinha um local de venda e dois amigos que estavam juntos decidiram comprar e o atendente disse que demoraria 30 minutos com cada um, ou seja, não daria tempo para comprar um para mim. Eles compraram no Aeroparque o chip da Personal Telecom com direito a Whatsapp ilimitado, 3 Gb de dados, 100 minutos para chamadas dentro da Argentina e 30 minutos para chamadas internacionais. Este chip dura 30 dias a partir da ativação e custa $800 (pesos argentinos). Eles usaram o chip durante toda a viagem e somente não tinham cobertura quando estavamos em trabalho de campo (ou seja na estrada não pega sinal).

Ponto de venda de chip da Personal Telecom no Aeroparque.
Ponto de venda de chip da Personal Telecom no Aeroparque.

Eu acabei comprando na vendinha em frente ao hotel que estávamos hospedados em Zapala. Tinham várias opções, mas optei pelo Movistar Argentina, que tem dois planos para turista: um de uma semana por 110 pesos por semana e outro por mês (30 dias corridos) por 300 pesos mensais. O pacote de uma semana tem Whatsapp gratuito, 1,5Gb de dados, 60 minutos para ligações dentro da Argentina e SMS ilimitados dentro da Argentina. O pacote de 30 dias tem Whatsapp gratuito, 2Gb de dados, 100 minutos para ligações dentro da Argentina e SMS ilimitados dentro da Argentina. Como iria ficar 10 dias por lá, optei pelo plano semanal e fiz a recarga quando os 7 dias acabaram.

Primeiro você tem que comprar o chip (o custo foi de 50 pesos argentinos). A contratação é feita através do messenger do Facebook ou do Twitter usando Wi-fi mandando uma mensagem com a mensagem "NOMI". Quando te responderem, você tem que tirar uma foto sua segurando seu passaporte, do passaporte e do cartão que vem o chip (bem tosco kkkkkkkkkk), vão pedir também seu nome completo, número do passaporte e data de nascimento. Também vão solicitar o endereço do hotel onde você está hospedado e até quando você vai ficar na Argentina.

Ativando o chip da Movistar Argentina pelo Facebook.
Ativando o chip da Movistar pelo Facebook.

Finalizando a ativação do chip da Movistar Argentina pelo Facebook
Finalizando a ativação do chip da Movistar pelo Facebook

Depois disso o chip funcionou bem. Estávamos na Patagônia Argentina (Zapala) e quando estive em Neuquén e Buenos Aires também me atendeu bem. Só não funciona fora da cidade, ou seja, saiu do perímetro urbano nem Movistar nem Personal nem o Vivo Brasileiro em Roaming funcionavam...

Como meu Google Play está registrado no Brasil, não consegui baixar o aplicativo do Movistar. Então fiz as recargas usando SMS e paguei com meu cartão de crédito. Ao total, gastei 270 pesos argentinos para usar o chip por duas semanas. Eles tem outros planos locais, mas daí você precisa ter documento argentino para registrar o chip para ativá-lo...

Você já comprou chip na Argentina ou usou outra operadora? Agora a Claro está com o Passaporte Américas por R$9,99 mensais que pode valera a pena caso você viaje muito pelos 18 países americanos participantes.

Chip de viagem na Argentina
Salve esse pin em seu Pinterest.

Nenhum comentário

Reserve seu hotel

Booking
Zarpo

Seguros de viagem


Banner 2 Use EAIFERIAS5 para ter 5% de desconto no Seguros Promo

Aluguel de carro

Ingressos para as principais atrações de Orlando